OPP_COVID-19 / Fórum

Versão completa: Intervenção em contexto escolar
Está de momento a ver uma versão reduzida do nosso conteúdo. Ver versão completa com o formato adequado.
O outro tópico pedido - Intervenção em contexto escolar
Bom dia, a todos os colegas.

Espero que todos estejam bem.

Gostava de perguntar aos colegas que trabalham em contexto escolar de que forma pensam manter o contacto com os alunos e famílias? E com que objetivo.

E no que diz respeito ao processo de intervenção vocacional de que forma vão dar continuidade a este trabalho?

Neste momento, as dúvidas são muitas. Segundo o Roteiro enviado pelo Ministério da Educação somos "chamados" a intervir no sentido de evitar o isolamento dos alunos. De que forma consideram mais adequado fazê-lo?



Grata pelas vossas partilhas.
Partilho as mesmas dúvidas que a colega Lília...
Olá colegas,
eu pretendo esperar mais um pouco até que a direção da escola forneça mais informações. Se, entretanto, não disserem nada, tentarei perceber junto dos diferentes Diretores de Turma que estratégias estão a usar para seguir os mesmos moldes. Acho que se, por exemplo, uma turma utiliza a plataforma x, não faz sentido estar a pedir-lhes comecem a usar a y. E tenho tentado adaptar as atividades previamente planeadas de modo a poderem ser realizadas por alunos com e sem acesso à internet (isto para projetos que dinamizava em grupo).
Relativamente aos acompanhamentos individuais, estabeleci contacto via telefone e email, e no início do 3º período voltarei a contactar.

Se tiverem outras ideias e sugestões partilhem porque me sinto "às apalpadelas", a ver o que se pode ir fazendo.
Olá,

Na minha escola, ficou decidido que irei estabelecer junto das famílias um horário semanal para ligar/fazer videochamada com as crianças sinalizadas no Gabinete de Psicologia. Este horário deve ter em conta a disponibilidade dos pais de acordo com o regime de teletrabalho e de acordo com as rotinas/tarefas implementadas pela escola, e por isso será preferencialmente adaptado à dinâmica de cada família. A ideia é manter o acompanhamento que já era realizado, mas em moldes completamente adaptados às circunstâncias.

Não será fácil, até porque algumas famílias não dispõem ,de todo, de recursos tecnológicos (e até escolares) suficientes para garantir uma comunicação frequente, mas vamos tentando.

Também por aqui vamos vendo o que funciona e de que modo conseguimos adaptar. Se alguém tiver mais sugestões, também agradeço a partilha.

Bom trabalho.
Colegas,
muito obrigada pelas vossas, muito importantes, partilhas.

Até já.
Car@s Psicólog@s,
Temos um novo desafio na intervenção em contexto escolar, por isso conto com este espaço de partilha e de suporte à boa pratica profissional. O Serviço de Psicologia está numa fase de operacionalização da sua atividade no Âmbito do seu Plano de E@D, pelo que agradeço, desde já. às partilhas anteriores.
Reforço a necessidade da compilação de um conjunto de estratégias psicoeducativas e de conciliação que possam estar à disposição dos vários psicólogos.
Ainda, protocolos/checklists para a prestação de serviços mediados pelas TIC serão uma excelente orientação para quem está a iniciar a sua intervenção nestas diferentes modalidades.
Continuação de excelente trabalho e de boas partilhas!
Até breve!
Olá a todos/as,

Espero que se encontrem todos bem!

Nesta nova realidade repleta de desafios... que sugestões têm para a Orientação Vocacional? Que testes utilizar? Quais a modalidades e/ou recursos a utilizar nesta intervenção?

Grata pela atenção,
Continuação de um excelente trabalho!
Car@s colegas,
Têm sugestões de atividades e/ou APPs, dirigidas a pais de crianças com PEA (numa vertente psicoeducativa).
Obrigada! Qualquer sugestão é bem-vinda Wink
(04-15-2020, 07:14 PM)Paula Melo Rego Escreveu: [ -> ]Car@s colegas,
Têm sugestões de atividades e/ou APPs, dirigidas a pais de crianças com PEA (numa vertente psicoeducativa).
Obrigada! Qualquer sugestão é bem-vinda Wink

Olá colega,
há uns tempos procurei por aplicações, escrevendo simplesmente autismo, e encontrei algumas. Acabei por não instalar pois não iam ao encontro do que pretendia, mas pode ser que se adequem aos seus meninos.
Tenho outras ideias mas depende sempre das características das crianças. Se quiser envie mp